FAZENDO VALER O INVESTIMENTO EM DESENVOLVIMENTO DE LIDERANÇA

“Se suas ações inspiram outros a sonhar mais, a aprender mais, a fazer mais e a tornarem-se mais, você é um líder.”
John Quincy Adams (1767-1848)
Sexto Presidente Norte-Americano

Uma das preocupações recorrentes das organizações e de Recursos Humanos é a formação de líderes. Desenvolver liderança requer muito mais do que malabarismos de treinamento e aplicação da última moda motivacional. Líderes não são formados por palestras, por técnicas que não levem em conta princípios de andragogia e de neurociência.

Nosso cérebro tem uma capacidade ilimitada de aprendizagem, mas o que se busca em um excelente processo de formação de líderes é a transformação do que foi aprendido em hábitos de liderança, ou seja, em comportamentos ou competências.

Quais são os principais componentes da formação de liderança eficaz?

  • Aprendizado em ação

A metodologia de formação de liderança deve fazer com que as diversas teorias e melhores práticas sejam transformados em novas competências (hábitos, comportamentos visíveis).

Isso pode ser obtido com técnicas específicas de trabalhos com papéis alternados, fazendo com que o que foi aprendido seja aplicado.

Nosso cérebro não distingue o que é real do que é um ensaio com papéis definidos. Utilizar tal característica para treinar comportamentos novos é essencial para que o haja resultados práticos do processo.

  • Sistema organizacional não conflitante

Muitas empresas investem enormes quantias de recursos na formação de liderança, mas, ao não ter um alinhamento de suas práticas internas, como, por exemplo, avaliação de competências de liderança, reconhecimento por resultados superiores etc., desestimulam a prática do que foi aprendido e a liderança perde sua essência. Como consequência, objetivos desafiadores deixam de ser cumpridos, desgaste dos ocupantes dos cargos de liderança e perda do valor investido.

Antes de iniciar um processo de formação de liderança, a organização deve estabelecer claros objetivos para os líderes, competências e sistemas de avaliação que sejam compatíveis entre si.

  • Processo em grupo e necessidades individuais atendidas

Estabelecer um caminho e formação de liderança exige duas vias: o processo em grupo, onde os líderes terão oportunidade de identificar fatores positivos e desafios em comum para exercer a liderança, trocar experiências e simular situações, de um lado; e, de outro, dar o apoio necessário a cada líder participante, a fim de que questões comportamentais específicas possa ser resolvidas. Esta via pode ser empreendida pelo superior hierárquico, se tiver bons conceitos de coaching, ou por um coach profissional. Por vezes, pode ser vantajoso para o líder contar com o mesmo profissional que atuou no desenvolvimento em grupo, mas não essencial que assim seja.

Esses três fatores são fundamentais para que a organização possa ter os resultados esperados de um processo de formação de liderança.

A BEM Human Consulting está capacitada a apresentar processos de desenvolvimento de liderança, conforme a necessidade, cultura e objetivos estabelecidos junto com o cliente, bem como oferecer coaching executivo, de liderança e de times.

Leave a Reply